Segundo Arquediocese de Natal, utilização da imagem do Arcebispo ao lado do governador causou 'grave dano' e, por isso, merece retratação no Jornal Nacional - 12/03/2018

Dom Jaime quer retratação por uso da imagem dele em matéria sobre Robinson

Dom Jaime aparece durante reportagem do Fantastico

Imagem mostra Dom Jaime ao lado de Robinson Faria em matéria da Globo

A Arquidiocese de Natal solicitou nesta segunda-feira, 12, que a Rede Globo divulgue em seus telejornais um esclarecimento quanto a imagem utilizada do arcebispo de natal, Dom Jaime Vieira Rocha, Dom Heitor de Araújo Sales e Dom Matias Patrício de Macedo, em reportagem veiculada no Fantástico sobre o envolvimento do governador Robinson Faria em esquemas de corrupção denunciados pelo Ministério Público Federal.

Segundo a Arquidiocese, “as imagens referidas foram exibidas, de forma descontextualizada”, e acabaram por causar “grave dano à imagem desses pastores da Igreja Católica Apostólica Romana, utilizada indevidamente e vinculada a uma reportagem de tão grave repercussão, por se tratar do desvendamento de um repugnante esquema de corrupção”.

Como forma de esclarecimento, a Arquidiocese de Ntal ressalta que a audiência em que arcebispo e demais pastores aparecem ao lado do governador Robinson foi realizada no dia 8 de janeiro e não teria qualquer relação com os fatos citados na matéria. “Esclarecemos que as referidas imagens registraram a audiência solicitada pelo gabinete deste arcebispado, com o Governador do Rio Grande do Norte, Sr. Robinson Farias, para mediar o conflito gerado pela paralização das forças policiais, visando encontrar uma saída negociada em favor da pacificação social e da democracia”, explica.

Para a Arquidiocese, a retratação deve ser feita nos telejornais da Rede Globo, “especialmente no Jornal Nacional, assim como no portal G1”, com o mesmo destaque, o presente esclarecimento como forma de retratação. A emissora ainda não se manifestou sobre o assunto.Agora RN.

Faça Seu Comentário:

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

 

Comentários

disse:

em 31/12/1969 - 09:12