Eleições 2018 - 22/07/2018

Veja os candidatos a presidente definidos nas convenções partidárias até agora

 Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

 No primeiro fim de semana de convenções nacionais, os partidos políticos confirmaram cinco candidatos a presidente da República: Ciro Gomes (PDT), Guilherme Boulos (PSOL), Jair Bolsonaro (PSL), Paulo Rabello de Castro (PSC) e Vera Lúcia (PSTU). As convenções têm de ser realizadas até 5 de agosto, e o prazo para pedir o registro das candidaturas na Justiça Eleitoral encerra-se em 15 de agosto.

A lei eleitoral permite, a partir da homologação das convenções, a formalização de contratos para instalação física e virtual dos comitês dos candidatos e dos partidos. O pagamento de despesas, porém, só pode ser feito após a obtenção do CNPJ do candidato e a abertura de conta bancária específica para movimentação financeira de campanha e emissão de recibos eleitorais.

Segundo o calendário das eleições de 2018, a partir de quarta-feira (25), a Justiça Eleitoral poderá encaminhar à Secretaria da Receita Federal os pedidos para inscrição de candidatos no CNPJ. A partir dessa data, os partidos políticos e os candidatos devem enviar à Justiça Eleitoral, para divulgação na internet, os dados de arrecadação para financiamento da campanha eleitoral, observado o prazo de 72 horas após o recebimento dos recursos.

Nas convenções nacionais, o PSL, o PDT e o PSC não escolheram os candidatos a vice. Caberá à direção nacional do PDT articular as alianças para o primeiro turno das eleições e o vice de Ciro Gomes. O PSC vai buscar um vice que agregue apoios, mas o candidato demonstrou disposição de ter uma mulher na sua chapa. No PSL, o nome forte para compor a chapa de Bolsonaro é o da advogada Janaina Paschoal, que participou da convenção ao lado do candidato a presidente.

O PSOL formou uma chapa puro sangue: Sônia Guajajara será a candidata a vice de Boulos. O partido, no entanto, disputará as eleições de outubro coligado com o PCB, que realizou convenção na última sexta-feira e aprovou a aliança. O PSTU optou por não fazer coligações. O vice de Vera Lúcia será Hertz Dias.

O PMN e o Avante realizaram ontem convenções nacionais e decidiram não lançar candidatos a Presidência da República. Na convenção, o Avante decidiu dar prioridade à eleição de deputados federais: terá uma chapa com cerca de 80 nomes e pretende eleger pelo menos cinco. O Avante não definiu se apoiará algum candidato a presidente no primeiro turno. O PMN decidiu dar apoio a nenhuma chapa nas eleições presidenciais.

No próximo sábado (28), devem reunir-se SD, PTB, PV, PSD e DC.

Agência Brasil




Comente

Eleições 2018 - 22/07/2018

Indignação do povo de Monte Alegre com aliança feita entre o prefeito e o governador

 Nesta atual conjuntura, o povo monte alegrense já não entende mais as alianças que se formam no cenário político do estado. Há quatro anos atrás, o atual prefeito Severino Rodrigues, apoiou a candidatura para o governo do estado, o bacurau Henrique Alves, no atual momento, com o lançamento da pré candidatura a deputado estadual de Kleber Rodrigues, seu filho, Severino firmou aliança de apoio a reeleição do atual governador Robinson Faria(PSD).

Com a atitude tomada, e sem a opinião do povo de Monte Alegre, a população, mostra a reprovação, da aliança feita com publicações em redes sociais, e decide não levantar a mesma bandeira que o prefeito, mais mudar de perfil para as eleições de 2018, tendo como forte nome o jovem Frankleberson Filgueira, pré-candidato a deputado estadual.

 

 O jovem Frankleberson Filgueira, que possui na cidade, familiares e bases aliadas, vem se destacando no atual cenário político com sua pré candidatura a deputado estadual, sendo acolhido e recebendo palavras de apoio da população local.

 

Comente

Cibele Benevides, procuradora regional eleitoral, emitiu recomendações que reforçam pontos já existentes da legislação eleitoral. Igrejas não devem fazer - 22/07/2018

Rio Grande do Norte está entre os Estados com mais crimes eleitorais no País

 A fiscalização nessas eleições será ainda maior

 Agência Estado

Estados do Norte e do Nordeste concentram, proporcionalmente, o maior número de investigações por crimes eleitorais no País no período de uma década. Nas últimas seis eleições (2006-2016), Roraima, Acre, Rio Grande do Norte, Paraíba, Tocantins e Amapá tiveram a maior relação de inquéritos policiais por eleitor no Brasil. A maioria dos procedimentos abertos se refere a compra de voto.

Os números fazem parte de um levantamento feito pelo jornal O Estado de São Paulo com base em relatórios da Polícia Federal obtidos por meio da Lei de Acesso à Informação (LAI). A reportagem comparou dados do número de inquéritos de matéria eleitoral enviados pela Divisão de Assuntos Sociais e Políticos (Dasp), da Polícia Federal, com a quantidade de eleitores de cada um desses Estados.

Na década, considerando apenas os pleitos nacionais, houve crescimento de 8,9% no número de inquéritos: de 1.022 para 1.113 No Ceará e em Roraima, os casos crescem ano a ano. No entanto, houve queda na quantidade de crimes eleitorais referentes aos pleitos municipais. Ainda assim, foram abertos 2.073 inquéritos em 2016 – ante 3.528 em 2008 (diminuição de 41,2%).

Procuradores eleitorais, delegados e presidentes dos tribunais regionais eleitorais ouvidos pelo jornal o Estado de São Paulo apontam que esse tipo de problema é impulsionado pela dependência que essas regiões têm em relação a empregos relacionados à máquina pública. Roraima é o Estado que mais registrou esse tipo de ocorrência – 12,9 por cada 100 mil eleitores, em média, na década.

“De dez anos para cá o voto de cabresto tem diminuído, mas ainda é um grande problema. A falta de acesso a educação e profissionalização, e por consequência, postos de trabalho, faz com que esses eleitores dependam muito de vínculos políticos regionais”, disse o secretário judiciário do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, Helder Silva Barbosa.

Segundo ele, houve uma “institucionalização” do voto de cabresto em algumas regiões. “Prefeitos ameaçam terceirizados ou dizem aos eleitores que as escolas vão fechar, o vale gás não será mais concedido e aquele contrato terceirizado será cancelado.”

Reforço policial

Em razão do número de casos registrados, Norte e Nordeste são as regiões que mais receberam, na década, reforço da Polícia Federal no período eleitoral, tanto no primeiro quanto no segundo turno das eleições, segundo relatórios da PF. Dos oito Estados que pediram auxílio para a realização do último pleito nacional em 2014, sete eram dessas regiões, além do Distrito Federal.

Ainda assim, esses números podem representar apenas parte do fenômeno, já que muitas denúncias não resultam em inquérito. “A maior parte dos crimes eleitorais é de menor potencial ofensivo, como boca de urna e, via de regra, não resulta em inquérito policial. A apuração é feita em termo circunstanciado”, diz o procurador regional eleitoral em Rondônia, Luiz Gustavo Mantovani.

Para o professor de direito da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e promotor de Justiça Tácito Yuri de Melo Barros, a crise econômica e a forte dependência dos cargos públicos contribuem para que esse tipo de crime seja comum nessas regiões.

“No Norte e no Nordeste essas questões são mais acentuadas, pois têm a ver com as necessidades da população. Às vezes a moeda de troca é ainda mais simples, nem sequer é um bem durável, mas sim comida, um botijão de gás”, diz.

Para o professor de Direito Eleitoral da FGV São Paulo e do Mackenzie, Diogo Rais, uma das explicações pode estar na importância da eleição na vida desses cidadãos. “Vive-se mais dentro da máquina pública do que em outras regiões. Em cidades menores o risco é ainda maior.”

Mecanismos de prevenção

Estados das regiões Norte e Nordeste e autoridades locais criaram mecanismos para evitar crimes eleitorais como a compra de voto, além de elaborarem campanhas de conscientização na população, mostrando as penalidades previstas em lei.

Alagoas e Amapá, por exemplo, aprovaram na última semana recomendações aos proprietários de postos de combustível: só pode ser emitido valecombustível para pessoas físicas ou jurídicas mediante a formalização de um contrato prévio, que deve ser comunicado à Procuradoria Regional Eleitoral 20 dias antes.

O documento também pede o controle, por parte do posto, da quantidade de carros e motos abastecidos, e também veta a realização de doação de combustível a táxis, mototáxis e carros de placa vermelha. Trata-se de uma medida para coibir a compra de voto em troca de combustível. Outra proposta, ainda em discussão, é a de limitar saques em notas pequenas na semana da eleição.

No Rio Grande do Norte, a procuradora regional eleitoral Cibele Benevides emitiu recomendações que reforçam pontos já existentes da legislação eleitoral. Uma delas é a instrução de que igrejas orientem todos os seus líderes religiosos para evitar que façam qualquer tipo de veiculação de propaganda eleitoral em cultos.

Em outra, o órgão alerta para a possibilidade de responsabilizar os partidos em casos de candidaturas “laranja” de mulheres para preencher a cota de gênero. O Estado também vai “copiar” a recomendação sobre venda de combustível posta em Alagoas e Amapá “Muitas vezes não se sabe a consequência de cometer esse tipo de crime. A recomendação vai neste sentido, de educar”, diz a procuradora. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Comente

Candidato do PSL, que até agora está completamente sozinho na disputa, sem um partido aliado, criticou o centrão, grupo de partidos que decidiu apoiar o tuca - 22/07/2018

Em seu 1° discurso como candidato, Bolsonaro diz não ser salvador da pátria

 Candidato afirmou que ideologia é um mal tão grave quanto a corrupção

 Num discurso com afagos e acenos aos militares, reiterações de citação bíblica, em defesa de valores conservadores e com fortes críticas ao centrão, o candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL-RJ) afirmou não ser um “salvador da pátria”. Mas, no mesmo discurso, o ex-capitão da reserva disse que está numa “missão” e se colocou como “escolhido” na corrida presidencial.

Logo após ser aclamado candidato do PSL à Presidência da República, Bolsonaro discursou por quase uma hora, sendo ovacionado pelos apoiadores que compareceram ao Centro de Convenções Sul América, no Rio. Ele deu uma pista do que seria um eventual governo seu: formado por boa parte de generais e com “extinção” da maioria das estatais.

– Nasci em 1955. Minha querida mãe ainda está viva. Foi uma gestação bastante complicada. Ela, bastante católica, colocou um dos meus nomes de Messias. Não sou salvador da pátria. Quem vai salvar a pátria somos todos nós – disse Bolsonaro logo no começo do discurso.

Mais ao fim, porém, o candidato falou em “missão” e em ser “escolhido”:

– Não tenho ambição pelo poder. Entendo tudo como missão. O Brasil não aguenta mais quatro anos de PT ou PSDB. Vamos juntos resgatar o nosso Brasil. (…) Antes que falem que eu não entendo de economia, Paulo Guedes (o economista citado por Bolsonaro para ser ministro da Fazenda), há uma citação que diz que “Deus não chama os capacitados, capacita os escolhidos”.

‘SOU O PATINHO FEIO’

Bolsonaro disse ter ciência do “desconforto” que causa:

– Eu sou o patinho feio nesta história, mas tenho certeza que seremos bonitos brevemente.

O candidato do PSL, que até agora está completamente sozinho na disputa, sem um partido aliado, criticou o centrão, grupo de partidos que decidiu apoiar o tucano Geraldo Alckmin na disputa presidencial.

– Quero agradecer a Geraldo Alckmin por ter juntado ao seu lado a nata do que há de pior no Brasil – afirmou.

Apesar das críticas ao centrão, parlamentares do arco político, formado por PR, DEM, PRB e PP, estavam presentes no evento, como o senador Magno Malta (PR-ES) e o deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS).

Bolsonaro listou quem são seus principais apoiadores: o economista Paulo Guedes; o general da reserva Augusto Heleno (PRP), cotado a ser seu vice, mas vetado pelo PRP; Janaina Paschoal, autora do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff, filiada ao PSL, a “caçula da turma” e cotada a vice na chapa; o ator Alexandre Frota; e os ruralistas.

O candidato falou em “extinguir a maioria das estatais” e em preservar as “estratégicas”, já que “nenhum país pode se furtar disso”. Ele ainda defendeu revogar emenda constitucional que “relativizou a propriedade privada”. Bolsonaro também afirmou que vai revogar a chamada lei da palmada.

– A esquerda, ao longo de seus 13 anos, foi buscando maneiras de impor a sua vontade e a propriedade privada nunca foi respeitada pela esquerda, porque lá ninguém nunca trabalhou – afirmou.

O candidato do PSL fez um forte aceno aos militares:

– Meus amigos e meus irmãos policiais militares, vou conseguir a retaguarda jurídica para que vocês possam muito bem cumprir sua missão. Irmãos da Marinha, Exército e Aeronáutica, vocês serão reconhecidos no meu governo, porque são atacados diuturnamente. Atacados pelos maiores absurdos dessa esquerda que está aí, porque são o último obstáculo para o socialismo.

O deputado citou ainda, por diversas vezes, passagem bíblica que diz que “a verdade vos libertará”. Foi a inspiração para o slogan da campanha, “Muda Brasil de Verdade”.

– O Brasil não precisa de marqueteiros, de centrão, de demagogos, populistas. O Brasil precisa só da verdade.

Bolsonaro encerrou o discurso como todos encerraram, algo que foi combinado antes da convenção:

– Brasil acima de tudo, Deus acima de todos.

 

 

Fonte: O Globo

Comente

PDT, PSC, PSol e PSTU definiram nomes em convenções nacionais - 22/07/2018

Eleições presidenciais já têm quatro candidatos confirmados

Por Luiza Damé/Agência Brasil

 

 Nos primeiros três dias de convenções nacionais, quatro candidatos a presidente da República foram confirmados pelos partidos políticos: Ciro Gomes (PDT), Paulo Rabello de Castro (PSC), Guilherme Boulos (PSol) e Vera Lúcia (PSTU). Enquanto o PSol e o PSTU lançaram a chapa completa, o PDT e o PSC ainda vão escolher os candidatos a vice-presidente.

Os convencionais do PDT aprovaram uma resolução autorizando a Executiva Nacional a negociar as alianças para o primeiro turno das eleições e o vice de Ciro Gomes. O PSC também vai articular um vice que agregue apoios, mas o candidato demonstrou disposição de ter uma mulher na sua chapa.

O PSol formou uma chapa puro sangue: Sônia Guajajara será a candidata a vice de Boulos. O partido, no entanto, disputará as eleições de outubro coligado com o PCB, que realizou convenção na última sexta-feira e aprovou a aliança. O PSTU optou por não fazer coligações. O vice de Vera Lúcia será Hertz Dias.

O PMN e o Avante realizaram nesse sábado (21) convenções nacionais e decidiram não lançar candidatos a presidente da República. Na convenção, o Avante decidiu dar prioridade à eleição de deputados federais: terá uma chapa com cerca de 80 nomes e pretende eleger pelo menos cinco.

O Avante não definiu se apoiará algum candidato a presidente no primeiro turno. Já o PMN decidiu que não dará apoio a nenhuma chapa nas eleições presidenciais.

Os partidos têm até o dias 5 de agosto para realizarem suas convenções nacionais. As candidaturas podem ser registradas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) até 15 de agosto. No próximo sábado devem se reunir SD, PTB, PV, PSD e DC. Fonte Portal Noar.

Comente

Ataque aconteceu duas semanas depois da inauguração do equipamento - 22/07/2018

Base da PM inaugurada em frente ao Mosquito é alvo de tiros

 A base da Polícia Militar inaugurada pelo governador Robinson Faria nas proximidades da comunidade do Mosquito foi alvo de disparos de armas de fogo na manhã deste domingo, 22. O ataque aconteceu pouco depois de duas semanas da inauguração do equipamento.

Apesar do susto, de acordo com a Polícia Militar, o efetivo posto à margem de quem sai da zona norte de Natal pela Ponte de Igapó não foi atingido.

Uma operação policial estava em andamento até a publicação desta reportagem, mas ninguém havia sido preso.

Quando inaugurada, a base da Polícia Rodoviária Estadual, que se trata de um furgão, teve a estrutura reprovada pelo tenente-coronel Fábio Araújo, comandante do 9° Batalhão, responsável pelo patrulhamento ostensivo da área.

“[Aqui] é um local insalubre para se trabalhar. Fora a questão de não ter banheiro e também não ter água para os policiais”, declarou Araújo.

Apesar de ser de policiamento rodoviário, a base móvel foi inaugurada pelo governador Robinson Faria com o objetivo de coibir ações de facções criminosas na Comunidade do Mosquito. A área tem sido alvo constante de confrontos violentos entre criminosos, com vários registros de mortes.

Comente

É TEMPO DE MUDANÇA - 21/07/2018

Poço Branco; Prefeitura Mun.na Sec. de Infraestrutura e coordenação de Transporte recupera a Estrada de Santa Fé

 

Estrada de Santa Fé sendo recuperada a Prefeitura de Poço Branco na Gestão do Prefeito Waldemar de Góis vem mostrando serviços em prol da População da Sede e dos Distritos Gestão 2017 a 2020 uma Gestão para Todos. 

 

Riacho na Estrada de Santa Fé sendo recuperado para dar acessos a passagem para as pessoas que trasita nessa estrada. 

 

 

 

Comente

Õnibus pegou fogo - 21/07/2018

Ônibus de turismo com 41 passageiros pega fogo durante viagem em MG

Ônibus de turismo com 41 passageiros pega fogo durante viagem em MG: Ninguém ficou ferido

 Um ônibus de turismo, com 41 passageiros a bordo, pegou fogo em movimento quando seguia viagem de São Paulo a Montes Claros, no norte de Minas Gerais, na madrugada deste sábado (21). Ninguém ficou ferido.

O Corpo de Bombeiros informou ao UOL que o incidente ocorreu por volta das 2h40, na BR-040, na altura de Bocaiúva (MG), a cerca de 47 quilômetros do destino.

Ainda não se sabe o que teria originado as chamas. A empresa Eirelli, proprietária do veículo, ainda não se pronunciou.

Comente

Dep Ezequiel. - 21/07/2018

Em agenda de trabalho, Ezequiel Ferreira visita Tenente Laurentino Cruz e Jucurutu, no Seridó

 Cumprindo agenda de trabalho no Seridó, o deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa visitou os municípios de Tenente Laurentino Cruz e Jucurutu, nesta sexta-feira (20). Ezequiel cumpriu agenda parlamentar e vem priorizando no seu mandato as ações de combate à seca e geração de emprego e renda.

 

O primeiro compromisso foi em Tenente Laurentino Cruz, onde foi recebido pela prefeita Sueleide Araújo (PSDB) e vereadores. O ex-senador Geraldo Melo (PSDB) também acompanhou a agenda de trabalho. Ezequiel prestou contas do seu mandato no município lembrando a solicitação dos carros refrigerados, caminhões-pipa e o programa Microcrédito, contribuindo para o fortalecimento da agropecuária e geração de emprego e renda.

 

“Tenente Laurentino Cruz é um município agrícola onde a metade da população vive na Zona Rural. Focamos nas ações de combate à seca, reforçamos nossos pleitos em perfuração e instalação de poços tubulares, além de dessalinizadores. Outra prioridade foi ações para a Saúde e Segurança, onde recebeu nova viatura da polícia militar. Estamos cobrando a recuperação da RN que liga a Serra a Florânia, pauta constante de nosso mandato”, disse o deputado.

 

Ainda no Seridó, Ezequiel Ferreira visitou a fábrica das Massas Jucurutu, primeira indústria de panificação do Rio Grande do Norte a usar energia 100% renovável. As Massas Jucurutu são produtos conhecidos hoje em todo Estado e gera empregos diretos e indiretos no Seridó. “São produtos do Seridó conhecidos hoje em todo território potiguar e que ficamos impressionados com o empreendimento local”, frisou.    

 

Em reunião de trabalho que contou com as presenças do advogado Júlio Queiroz, o vice-prefeito José Pedro, os vereadores Alan Garcia e Gilson Brito, além dos ex-vereadores Neto Crispim e Sérvulo Lopes, a pauta foi prestação de contas do mandato. Ezequiel é autor de pleitos como as barragens submersas e os carros frigoríficos da Emater. Esses veículos ajudam o homem do campo porque são equipados com câmara frigorífica para o transporte dos animais abatidos. Além de ações em saúde, com melhorias no Hospital Regional Dr. Mariano Coelho, que atende demandas de Jucurutu e região. Ezequiel também vem cobrando a recuperação do trecho de 50 km que liga a RN 118 ao município de Caicó.

Comente

Vítima informou à Polícia Civil que o homem colocou o pênis na cabeça dela durante viagem de Fortaleza para Natal neste sábado (21). - 21/07/2018

Homem é preso suspeito de esfregar órgão sexual em universitária dentro de ônibus no RN

Por G1 RN

 Jovem prestou depoimento na Delegacia de plantão da Zona Sul de Natal (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

 

Um homem de 41 anos foi preso na manhã deste sábado (21) suspeito de praticar ato libidinoso contra uma universitária durante uma viagem de ônibus de Fortaleza para Natal. A vítima informou em depoimento para a Polícia Civil que o homem esfregou o pênis na testa dela.

A universitária pegou o ônibus na noite desta sexta-feira (20) em Fortaleza, no Ceará, com destino a Natal. A jovem sentou na cadeira do corredor e uma amiga sentou ao lado dela, próximo a janela do veículo.

Já por volta das 5h deste sábado, quando o ônibus passava por Riachuelo, município do Agreste potiguar, a universitária acordou sentindo algo quente na testa. Foi quando viu que o homem esfregava o pênis em sua cabeça.

A jovem levantou e foi até o motorista do ônibus informar o que havia acontecido. O condutor pediu para que ela ficasse na cabine até chegar ao posto da Polícia Rodoviária Federal em Macaíba, na Grande Natal.

No posto, a jovem denunciou o caso e a equipe da PRF deu apoio durante o resto da viagem, até à Delegacia de Plantão da Zona Sul de Natal. A vítima fez um boletim de ocorrência e prestou depoimento.

Marcos Antônio, chefe de investigação, afirmou que o homem detido trabalha como personal trainer. Ele foi autuado por ato libidinoso e já tinha passagem pelo mesmo crime no Rio de Janeiro.

Comente

Agente não conseguiu vencer as águas e acabou se afogando; a esposa, por sua vez, conseguiu sobreviver até a chegada do socorro - 21/07/2018

PM da Paraíba morre afogado na praia de Pipa ao tentar salvar a esposa

 PM da Paraíba se afogou na praia de Pipa

 Um agente da Polícia Militar da Paraíba morreu afogado na praia de Pipa, em Tibau do Sul, na última sexta-feira, 20. De acordo com a assessoria da PM, todavia, o corpo só foi encontrado na manhã deste sábado, 21.

De acordo com relatos, o policial entrou no mar para tentar salvar a vida da própria esposa, que também se afogava. Contudo, o agente não conseguiu vencer as águas e acabou se afogando. A esposa, por sua vez, conseguiu sobreviver até a chegada do socorro.

Identificado como sargento J. Silva, o homem tinha 52 anos e estava lotado na 3ª Companhia do 4º BPM, com sede em Belé, Agreste da Paraíba. O corpo do agente foi encaminhado de volta à Paraíba neste sábado.

Comente

Lista de pré-candidatos ao Governo do Estado ainda inclui Fábio Dantas (PSB), com 3%; Carlos Alberto (PSOL), com 4%, e Freitas Júnior (Rede), com 2% - 21/07/2018

A 78 dias do primeiro turno, Fátima tem 31%; Carlos, 15%; e Robinson, 9%

Fátima - Carlos Eduardo - Robinson

 Fátima Bezerra (PT), Carlos Eduardo (PDT) e Robinson Faria (PSD) são os postulantes mais bem cotados

 Faltando 78 dias para a realização do primeiro turnos das eleições de 2018 (no dia 7 de outubro), pesquisa do Ibope/Tribuna do Norte mostra que, para o pleito de governador do Rio Grande do Norte, a senadora Fátima Bezerra (PT) lidera as preferências estimuladas com 31% das intenções de voto; o ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo (PDT) foi o segundo mais citado com 15% e o atual gestor do Executivo Estadual Robinson Faria (PSD) fecha a lista principal de pré-candidatos com 9% das opiniões populares.

A lista de pré-candidatos ao Governo do Estado ainda inclui Fábio Dantas (PSB), com 3%; Carlos Alberto (PSOL), com 4%, e Freitas Júnior (Rede), com 2%. Eleitores que afirmaram que votariam em branco e/ou nulo somamram 32%, enquanto que 5% se disse indeciso sobre como votará em outubro.

Na modalidade espontânea – isto é, os nomes dos pré-candidatos são lembrados pelo entrevistado sem auxílio de listas – o quadro se mostra mais acirrado com Fátima liderando com 8% das intenções, seguida de perto por Carlos Eduardo (5%) e Robinson (4%).

A pesquisa foi realizada entre os dias 14 e 17 de julho pelo Ibope/TN ouvindo 812 eleitores. A margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. Os registros da pesquisa, junto à Justiça Eleitoral, são RN-03429/2018 (TRE) e BR-07949/2018 (TSE). Fonte Agora RN.

Comente

Capitão Styvenson soma 19% da preferência popular e está na terceira colocação; ele é seguido de perto pela deputada Zenaide Maia (PHS), com 18% - 21/07/2018

Garibaldi Filho e Geraldo Melo lideram pesquisa Ibope para o Senado

Garibaldi e Geraldo Melo

 Disputa para o Senado Federal entre Garibaldi Alves (MDB) e Geraldo Melo (PSDB) está acirrada

 O senador Garibaldi Alves (MDB) e o ex-senador Geraldo Melo (PSDB) são os nomes que lideram as pesquisas estimuladas do Ibope/Tribuna do Norte para o Senado. Com 24% e 22%, respectivamente, Garibaldi e Geraldo Melo está tecnicamente empatados na liderança por um das duas vagas elegíveis ao Senado.

O Capitão Styvenson (atualmente sem partido) soma 19% da preferência popular e está na terceira colocação. Ele é seguido de perto pela deputada federal Zenaide Maia (PHS), com 18%. Caso as eleições fossem realizadas hoje, ambos ficariam empatados e de fora da disputa. Mais atrás, o deputado Antônio Jácome (Podemos) fecha a lista de pré-candidatos com mais de 10% da preferência, acumulando 12%.

Os demais pré-candidatos colocados como opções foram Alexandre Motta (PT), com 7%; Professor Lailson (PSOL), com 7%; Magnólia Figueiredo (Solidariedade), com 6%, e Joanilson Rêgo (PSDC), com 2% – todos os percentuais representam a soma das duas opções que podem ser feitas para o Senado.

Já as intenções de voto em branco ou nulo somam 68%. Destes, 28% são referentes à primeira vaga ao Senado Federal e 40% à segunda vaga. Eleitores que não sabem ou não quiseram responder representam 15% do público entrevistado.

Pesquisa Espontânea

Na modalidade espontânea, os pré-candidatos Garibaldi Alves, Zenaide Maia e Capitão Styvenson foram citados por 4% dos eleitores, cada um. Fátima Bezerra, Geraldo Melo, José Agripino (DEM) e Antônio Jácome foram lembrados por 2% da amostra. Por fim, Alexandre Motta e Magnólia Figueiredo tiveram 1% da preferência espontânea.

Dos entrevistados pelo Ibope/TN, 47% disse não saber ou não querer opinar sobre os pré-candidatos, enquanto que 36% apontaram que devem votar em branco ou nulo.

A pesquisa foi realizada entre os dias 14 e 17 de julho pelo Ibope/TN ouvindo 812 eleitores. A margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. Os registros da pesquisa, junto à Justiça Eleitoral, são RN-03429/2018 (TRE) e BR-07949/2018 (TSE). Fonte Agora RN.

Comente

Em nota, Lula se mostra confiante de que vencerá as eleições presidenciáveis em outubro e que, com isso, poderá ajudar Fátima a ser 'a melhor governadora - 21/07/2018

Em carta, Lula diz que “eleger Fátima é recuperar o Rio Grande do Norte”

 Ex-presidente Lula enviou mensagem para a senadora e pré-candidata Fátima Bezerra

 O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou uma carta de apoio moral à senadora e pré-candidata ao Governo do RN Fátima Bezerra. Na nota, Lula afirma que pediu ao ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, para lhe dar um recado em que afirma que, caso o povo do Rio Grande do Norte eleja Fátima como governadora, este será um primeiro passo para recuperar o Estado.

Ainda na carta, Lula se mostra confiante de que vencerá as eleições presidenciáveis em outubro e que, com isso, poderá ajudar Fátima a ser “a melhor governadora da história” do Rio Grande do Norte. Confira a transcrição do documento abaixo, bem como a reprodução dele.

Querida Fátima, o companheiro Hadad (sic), além de apoiar a tua campanha, eu pedi para ele levar um recado meu para o povo do RG Norte. Eleger a Fátima governadora no RGN é recuperar o estado para o povo trabalhador, para a educação, para a ciência e tecnologia, para recuperar a cidadania potiguar. Fátima eu sou candidato por conta do povo, vou ganhar e vou ajudar você a ser a melhor governadora da história do estado. Abraços e até a vitória.

 

 

Comente

Município não tem hospital nem emprego e conta com meio policial por quilômetro quadrado - 21/07/2018

Conheça a cidade mais violenta do Brasil

Por Vladimir Platonow/Agência Brasil

 

 QUEIMADOS, NA REGIÃO METROPOLITANA DO RIO DE JANEIRO, CARREGA O TÍTULO DE UMA DAS CIDADES MAIS VIOLENTAS DO PAÍS - TOMAZ SILVA/AGÊNCIA BRASIL

 uem chega ao município de Queimados, na Baixada Fluminense, tem a impressão de uma calma aparente, típica das pequenas cidades do interior. Ao lado da estação de trem, aposentados jogam damas na pracinha e pessoas perambulam pelo comércio. Nada que faça suspeitar que o local é classificado como o mais violento do Brasil, segundo a última edição do Atlas da Violência, publicação do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O combate à violência será um dos desafios dos governantes que serão eleitos em outubro e a segurança pública é um dos temas das reportagens especiais da Agência Brasil sobre as eleições 2018.

O relatório, lançado em junho passado, referente a 2016, apontou o recorde de 134,9 homicídios e mortes violentas por 100 mil habitantes em Queimados, que fica a 50 quilômetros da capital. A média nacional, nesse mesmo ano, para municípios com mais de 100 mil habitantes, foi de 38 homicídios, quase quatro vezes menos. Queimados tem 145 mil habitantes.

Esse título de campeã não orgulha, é claro, nenhum de seus habitantes. Pelo contrário. Alguns acham exagerado o número e se dizem tranquilos ao andar pelas ruas. Outros, reconhecem que há violência na cidade, mas creditam a locais específicos, como as três comunidades existentes. “Acho absurda essa fama. Insegurança tem em todas as cidades do país. Aqui tem bairros perigosos, mas eu nunca fui assaltado. À noite é que as pessoas preferem ficar em casa e eu mesmo não trabalho depois das 20h”, disse o taxista Hélio Júnior da Silva Melo, cujo ponto é próximo à estação de trem e à pracinha, onde grupos se reúnem em torno de mesas de concreto com tabuleiros de dama pintadas.

A praça fica quase em frente ao Morro da Caixa D´Água, considerado um dos mais violentos da cidade, do outro lado da linha do trem. “Lá no Rio é mil vezes pior. Eu não tenho medo de andar na rua. A qualquer hora, eu saio”, garantiu o ambulante Ailton de Paula, sendo rebatido pelo aposentado João Martins. “Aqui em Queimados é perigoso sim. No Morro São Simão, toda noite matam gente. Ali na Pedreira, expulsaram morador. É muito violento. É milícia com bandido, é bandido com polícia. É geral”, disse João. Segundo o aposentado, no asfalto não há ocorrência de tiros ou mortes. O problema, segundo ele, são os furtos de celular, praticados por ladrões que vêm de bicicleta e arrancam o aparelho da mão das vítimas. Assaltos a lojas acontecem, mas são raros.

O secretário de Segurança de Queimados, Alan Tavares Perfeito, considerou que os números do Ipea retrataram um suposto ponto fora da curva, um pico de violência que aconteceu em 2016, quando houve o recrudescimento da disputa pelos morros, entre traficantes e milicianos.

Ele argumenta ainda que, nos últimos dois anos, 11 indicadores do Instituto de Segurança Pública foram reduzidos. Entre eles, homicídio doloso, homicídio culposo, roubo de veículos, roubo a transeunte e furtos.

Comente

Está confirmado Geraldo Melo para concorrer a uma das vagas ao Senado - 21/07/2018

PSDB potiguar fará convenção partidária no dia 29

 DEPUTADO EZEQUIEL FERREIRA PRESIDE O PARTIDO NO ESTADO

 O Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB/RN) convoca seus filiados para participarem da convenção estadual que se realizará na manhã do domingo, dia 29, no Hotel Holiday Inn, situado na Av. Sen. Salgado Filho, 1906 – Lagoa Nova, Natal – RN, a partir das 8h. Será a partir das 9h.

“O PSDB é um partido forte e que cresceu por ouvir as bases e respeitar democraticamente suas lideranças. Ouvimos todos os nomes que vão concorrer às eleições estaduais deste ano, sentamos com os prefeitos que integram a legenda e vamos para a convenção ainda mais fortalecidos”, informou o deputado Ezequiel Ferreira de Souza, que preside o partido no Estado.

Caberá aos convencionais: A escolha de candidaturas do partido para as eleições gerais 2018, na esfera estadual; definir a nominata que irá compor a(s) coligação(ões) proporcional(is), composta por candidatos a Deputado Federal e Deputado Estadual; escolher candidatos a Senador e suplente de Senador; definir as coligações majoritária e proporcional; denominar as coligações; representantes de Coligações e demais matérias pertinentes a eleição 2018.

No PSDB está confirmado o nome do ex-senador Geraldo Melo para concorrer a uma das vagas ao Senado Federal. A chapa proporcional do PSDB para a Assembleia Legislativa é a mais forte até agora apresentada por todos os partidos.

São candidatos à reeleição, Raimundo Fernandes e Gustavo Fernandes, com atuação na região do Alto Oeste. Já Tomba Farias saiu de Santa Cruz e do Trairi com grande votação. Duas mulheres vão integrar a nominata: as deputadas Márcia Maia e Larissa Rosado, que são atuantes na Assembleia Legislativa. O decano José Dias, aumentou suas bases no Estado. Gustavo Carvalho tem bases sólidas no Potengi, Alto Oeste e Médio. O médico Tiago Almeida, que tem bases no Seridó será candidato pela primeira vez. Já Ezequiel Ferreira, que preside a Assembleia Legislativa é votado na Grande Natal, Seridó, Agreste, Mato Grande, nas regiões Central e Salineira, além de apoios novos em Mossoró.

Para deputado federal, Rogério Marinho é candidato à reeleição. Além de sair muito forte da região Metropolitana, ampliou bases no Seridó, Oeste e Potengi. Ex-deputada federal, Sandra Rosado tentará mais um mandato na Câmara. Hoje, vereadora em Mossoró, Sandra já pegou a estrada no Alto, Médio e Oeste Potiguar em buscas de ampliar bases. Em 2014, Sandra conseguiu 52 mil votos e ficou na suplência.

No Rio Grande do Norte, o PSDB tem hoje o deputado federal Rogério Marinho, a maior bancada estadual com os deputados José Dias, Márcia Maia. Larissa Rosado, Raimundo Fernandes, Tomba Farias, Gustavo Fernandes, Gustavo Carvalho e Ezequiel Ferreira, este presidente da Assembleia Legislativa.

O partido ainda conta com 33 prefeitos e vice-prefeitos, 109 vereadores, inclusive com representação em Natal, Mossoró, Parnamirim, Ceará-Mirim, Maxaranguape, Nísia Floresta e colégios eleitorais importantes como Currais Novos, Nova Cruz, Touros, Apodi, São Miguel, Angicos, Lajes e São Tomé, no Potengi. Os Diretórios Municipais e as Comissões Provisórias do PSDB estão presentes em todas as regiões reforçadas recentemente no Agreste, Trairi, Alto, Médio e Oeste Potiguar, além das regiões Potengi, Seridó, Salineira e Mato Grande.

Comente

Segundo a PM, o fuzil calibre 7.62 foi apreendido na madrugada deste sábado (21). - 21/07/2018

Adolescente é apreendida com fuzil do Exército na Grande Natal

Adolescente foi apreendida com o fuzil em Parnamirim (Foto: PM/Divulgação)

 Adolescente foi apreendida com o fuzil em Parnamirim (Foto: PM/Divulgação)

 Uma adolescente de 15 anos foi apreendida na madrugada deste sábado (21) com um fuzil calibre 7.62 em Parnamirim, cidade da Grande Natal. De acordo com a Polícia Militar, a arma é do Exército Brasileiro.

Policiais da Força Tática do 3º Batalhão estavam fazendo um patrulhamento próximo ao ginásio de esportes do bairro Passagem de Areia por volta das 1h30. Dois homens perceberam a chegada da polícia e correram, deixando a adolescente para trás.

Os policiais fizeram a abordagem e a adolescente indicou uma casa. Lá, foram encontrados o fuzil, munições e uma moto roubada. A adolescente foi levada para a Central de Flagrantes. A PM ainda fez buscas, mas os homens não foram encontrados.

ma adolescente de 15 anos foi apreendida na madrugada deste sábado (21) com um fuzil calibre 7.62 em Parnamirim, cidade da Grande Natal. De acordo com a Polícia Militar, a arma é do Exército Brasileiro.

Policiais da Força Tática do 3º Batalhão estavam fazendo um patrulhamento próximo ao ginásio de esportes do bairro Passagem de Areia por volta das 1h30. Dois homens perceberam a chegada da polícia e correram, deixando a adolescente para trás.

Os policiais fizeram a abordagem e a adolescente indicou uma casa. Lá, foram encontrados o fuzil, munições e uma moto roubada. A adolescente foi levada para a Central de Flagrantes. A PM ainda fez buscas, mas os homens não foram encontrados.

Comente

A motivação do crime ainda é desconhecida - 21/07/2018

Vigia de rua é morto em Búzios após ter moto roubada

 Um vigia de rua foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte) na noite dessa sexta-feira, 20, na praia de Búzios, na cidade de Nísia Floresta.

De acordo com a Polícia Militar, os criminosos chegaram em um carro escuro e também em um táxi. A moto do vigilante, identificado como Romário de Macedo, foi roubada na Rua Boa Hora. Em seguida, a vítima foi levada para a Rua José Sales e morto a tiros.

A motivação do crime ainda é desconhecida. Fonte Portal Noar.

Comente

Veja também: a saga de Robinson atrás de um vice e o estrelismo do Capitão Mídia - 21/07/2018

Internet não é terra sem lei

 Há três anos, no dia 22 de julho, este jornalista que vos escreve foi agredido no Twitter pelo radialista Edmo Sinedino. Consciente de que havia sido vítima de crimes contra honra, processei o agressor. Ontem (20) saiu a sentença em primeiro grau. Edmo foi condenado a fazer uma retratação pública no próprio Twitter e pagar uma indenização de R$ 3 mil, com juros e correção monetária. Ele ainda pode recorrer. No entanto, a primeira condenação já mostra que a Justiça entende que internet não é terra sem lei. Cada um pode falar o que quiser, mas precisa usar o bom senso de saber que vai ser responsabilizado pelo que fala ou escreve. É o que diz a legislação. Ninguém está acima da Lei.

Larissa prefere apoio de Rosalba à vaga de vice

Convidada pra ser vice do governador Robinson Faria (PSDB), a deputada estadual Larissa Rosado (PSDB) recusou a proposta. Com a indicação de Kadu Ciarlini (PP) para vice de Carlos Eduardo, Larissa quer mesmo a vaga de “estadual de Rosalba”, em dobradinha com o federal Beto Rosado.

PR não tem pressa

O deputado federal João Maia (PR) chegou a dizer categoricamente que o partido acompanharia o PSDB, que confirmou apoio à reeleição do governador Robinson Faria (PSD) nas eleições deste ano. No entanto, disse que só anunciaria o destino da sigla no dia 4 de agosto. Agora, vem cá, se o PR tá fechado com os tucanos, que já anunciaram destino, pra quê demorar tanto para fazer o anúncio? Tem caroço nesse angu. O PR parece não estar tão fechado assim com o PSDB e o destino que ele escolheu. Até o dia 4, a sigla poderá tomar um rumo novo. Está tudo indefinido.

Ruy Gaspar é cotado para vice de Robinson

Pré-candidato ao Senado, Rui Gaspar pode ser remanejado para vice de Robinson. Com as recusas de Larissa Rosado (PSDB) e Tião Couto (PR), o governo caminha para desistir de colocar um vice Mossoró e adotar uma solução caseira.

O estrelismo do Capitão Mídia

Há algum tempo, o Capitão Styvenson, que ficou famoso pela condução da Operação Lei Seca, foi alçado como um bom nome para o Senado. Apesar de ter sido “rebaixado” para a ronda escolar, seu prestígio ainda está em alta, assim como o tratamento esnobe com a imprensa. O Capitão ontem não atendeu nenhuma das nossas ligações e ignorou solenemente nossas mensagens de WhatsApp. A humildade mandou lembranças! Fonte Portal Noar.

Comente

Partido mantém diálogo aberto com todos e tem até dia 5 de agosto para anunciar decisão - 21/07/2018

PSB será disputado por pré-candidatos ao governoPSB será disputado por pré-candidatos ao governo

 RAFAEL MOTTA PRESIDE O PSB NO RN

 Com 26 deputados federais, o que representa 47 segundos de tempo de televisão, o PSB é a bola da vez na disputa entre os pré-candidatos ao governo do Rio Grande do Norte, após o PP optar pelo ex-prefeito Carlos Eduardo (PDT).

Pleiteiam o apoio do partido, presidido no estado pelo deputado federal Rafael Motta (PSB), Carlos Eduardo, a senadora Fárima Bezerra (PT), Breno Queiroga (SD) e até o governador Robinson Faria (PSD), que trocou farpas com o vice-governador Fábio Dantas (PSB), que foi pré-candidato ao governo pela sigla, mas desistiu.

O PSB, que não tem pressa para a definição, prioriza a reeleição do deputado federal Rafael Motta (PSB) e a ampliação da bancada na Assembleia Legislativa, onde ocupa hoje uma cadeira, a do deputado estadual Ricardo Motta (PSB).

“O partido tem até o dia 5 de agosto para tomar uma decisão. Levaremos em consideração os nomes que disputarão a campanha majoritária, e daremos prioridade às candidaturas proporcionais. É importante frisar que o PSB tem recebido convites de várias legendas, o que mostra a importância da histórica do partido. Vamos debater internamente e com a Executiva Nacional o melhor caminho a ser adotado”, declarou Rafael Motta. Agora RN.

Comente